MÚSICA É CULTURA!!!

sexta-feira, abril 29, 2005

Norton lançam álbum de remisturas



Norton apresentam em Maio:

FRAMES » REMIXES AND VERSIONS

BY:

Nuno Gonçalves (The Gift)
Loto
Pink Boy (Dezperados)
Noise Reduction (Rui Maia dos X-Wife e Pedro Abreu)
Jaguar
Kubik
In Her Space
Spatial White Noise (projecto a solo de Leonel dos Alla Polacca)
Daily Misconceptions (do projecto Puget Sound)
Musgo
Rom (membro dos Essay Collective)
ALINHAMENTO:

01 > Swirling Sound - Something To Dance With…! (Nuno Gonçalves Remix)
02 > You Make Me Sound (Pink Boy Version)
03 > Better Than Chocolate (Noise Reduction Remix)
04 > Wounded River Flow - Soft & Noisy (Daily Misconceptions Remix)
05 > Chocolate (Jaguar Remix)
06 > Blue Inter (Rom Lude Remix)
07 > Swirling Simple Sound (Loto Remix)
08 > Raindrops Intro (Musgo Extended Version)
09 > Blue Picture - Fat Veins (Kubik Remix)
10 > Raindrops (In Her Space Version)
11 > Noise Landscape (Spatial White Noise Version)

NORTON – 3 Pistas (Live @ Antena 3)

12 > Summer Beat
13 > Chocolate
14 > Swirling Sound
15 > Sunday Morning


Durante a edição de PICTURES FROM OUR THOUGHTS (BORLAND) já existia a ideia de dar uma configuração diferente às músicas do álbum. Ideia que surge por vontade própria dos Norton ou por sugestão de amigos como Nuno Gonçalves. A curiosidade de ver o resultado da transformação de algumas músicas do álbum de originais de 2004 deu origem a diversas colaborações oriundas de áreas diferente dentro da música electrónica, umas mais minimalistas outras mais dançantes. As versões estão muito marcadas pelo estilo pessoal dos convidados já que a escolha dos temas foi feita em total liberdade e a remistura em si não teve qualquer restrição por parte dos Norton. A liberdade criativa fez com que surgissem duas versões do single SWIRLING SOUND, uma pela mão de Nuno Gonçalves e outra pela mão dos Loto.

O álbum contém ainda 3 temas do último álbum gravados em apenas 3 pistas, e ainda uma versão de SUNDAY MORNING (VELVET UNDERGROUND), gravada também em 3 pistas. Estes temas surgem pelo convite de Henrique Amaro para o seu programa na Antena 3 – Portugália e são agora editados neste FRAMES.

No seguimento da parceria com o Blitz, a Transformadores tem o prazer de lançar este projecto dos Norton no dia 31 de Maio - nas bancas de todo o país.

quarta-feira, abril 20, 2005

Mark Lewis and The Standards na Culturgest dia 27 de Abril



Do encontro entre a dança e a música, personificadas por Mark Tompkins (o coreógrafo) e Nuno Rebelo, nascem algumas versões de MY WAY, HEAVEN e AVEC LE TEMPS (Claude François, Talking Heads e Leo Ferré, respectivamente) que servem de pano de fundo às coreografias do autor e intérprete, Mark. O impulso criativo de Mark e Nuno fez com que dos ensaios das versões nascessem originais que serão apresentados este mês pela Transformadores através da distribuição do jornal Blitz e das lojas Fnac.
Depois de Mark apresentar o seu espectáculo SONG AND DANCE na Culturgest, agora é a vez da sua banda apresentar o rol de 15 canções que integram o álbum.
ALINHAMENTO DO CONCERTO:
1-Livin´ is deadly
2-Something More
3-Blind sight
4-Tilt
5-Stay alive
6-Heaven
7-Blind date
8-Now or never
9-Tempête À La Tour Eiffel
10-Clean man
11-Rub the steak
12-Private Eyes
13-Emotional Blackmail
14-Avec le temps
15-My Way


Mark Lewis (Tompkins) é um coreógrafo e encenador americano que vive em Paris. A sua companhia I.D.A., apresenta frequentemente as suas coreografias por toda a Europa e no resto do Mundo, desde há mais de 20 anos. Em muitos dos seus espectáculos Mark Lewis canta as suas próprias canções, bem como vários standards. O seu encontro com o compositor e guitarrista Nuno Rebelo deu origem ao desejo mútuo de formar uma banda, gravar um disco e dar concertos.

Nesta aventura, é particularmente excitante e curioso o background do grupo. Nuno Rebelo é compositor desde há muitos anos e foi membro dos Mler If Dada, banda que conta com uma série de edições ao longo dos anos 80. Tem sido responsável pela música de peças de teatro, filmes e bailados. Desde os anos 90 que se dedica à música de carácter experimental e de improviso mas dado o inicio do seu percurso não será estranho que volte às origens do Rock neste projecto. Vitor Rua, também músico dos anos 80 e actualmente dedicado à música experimental, iniciou a sua actividade no âmbito do Pop Rock (membro fundador dos GNR) e foi aproximando-se de tendências minimalistas e experimentalistas.

Alexandre Cortez é membro fundador dos Rádio Macau e do projecto Wordsong. Ao seu lado está Samuel Palitos que fez parte de bandas como os LX 90, Sitiados, Lulu Blind. Actualmente é membro fundador dos Flux e baterista dos Rádio Macau.

Com esta combinação de grandes talentos poderia esperar-se uma música experimental e bizarra. Mas a simplicidade das canções, a voz de Mark Lewis e os arranjos rock de Nuno Rebelo, dão origem a uma banda simultaneamente mainstream e contemporânea, difícil de classificar mas muito fácil de apreciar: Mark Lewis and the Standards.

Quando Vitor Rua ofereceu a Mark, no primeiro ensaio do conjunto, uma tela a óleo com o título Allucinogenic Band/ Agit Pop, mal sabia que o desenho se transformaria na capa do primeiro disco de Mark Lewis and The Standards.

Formação:

Voz – Mark Lewis
Guitarra eléctrica – Nuno Rebelo
Guitarra eléctrica – Vítor Rua
Baixo – Alexandre Cortez (Rádio Macau, Wordsong)
Bateria – Samuel Palitos (Flux, Rádio Macau)


Data de edição: 26 de Abril de 2005

Alinhamento do disco:

1- Stay Alive
2- Livin´ Is Deadly
3- Something More
4- Tilt
5- Heaven
6- Tempête À La Tour Eiffel
7- Now or Never
8- Blind Sight
9- Clean Man
10- Rub the Steak
11- Avec Le Temps
12- Private Eyes
13- Emotional Blackmail
14- Blind Date
15- My Way


Concertos:

23 Abril, no Centro de Artes Performativas do Algarve, 23h – FARO (289 828 784)

27 Abril, na Culturgest em Lisboa, 21h30 - 10 €; jovens até aos 30, 5€.





Para mais informações:
Departamento de Promoção – Ana Cabral
21 839 34 88/ 96 526 54 54

quarta-feira, abril 13, 2005

Newsletter, de uma vez por todas!

A partir de agora passará a ser enviada uma newsletter todas as 4ªs feiras com as notícias mais recentes e actualizadas. Pontualmente será enviada informação quando o elemento notícia assim o exigir. Para quem não está inscrito basta enviar um email para o seguinte endereço: transformadores@transformadores.pt sem esquecer de indicar o nome, a idade e a localidade de residência.
Aqui vai a desta semana:

News @ Transformadores
Lisboa, 13 de Abril de 2005

1 – CONCERTOS
2 – EDIÇÕES
3 – SUGESTÕES
4 - OUTRAS NOTÍCIAS


1 – CONCERTOS TRANSFORMADORES

. Quinteto Tati, 15 de Abril no Montijo (00h00) – Oficina do Cais + actuação do DJ MEE_K * - entrada a 7,5 euros

. Dead Combo, 16 de Abril no Montijo (00h00) - Oficina do Cais + actuação dos DJ´s FUTURE FUNK ** – entrada a 7,5 euros

· Quinteto Tati e Dead Combo (1ª parte), 22 de Abril em Évora (22h00) – Teatro Garcia de Resende – entrada a 10 euros; preço para estudantes: 7,5 euros

· Mark Lewis and The Standards, 27 de Abril em Lisboa (21h30)– Culturgest – entrada a 10 euros – O primeiro grande concerto em Lisboa.

* Dj Mee_K: Drum N´Bass, Jungle…
** Future Funk: House, Funk, Soul…


2 – EDIÇÕES


Mark Lewis and The Standards

Do encontro entre a dança e a música, personificadas por Mark Tompkins (o coreógrafo) e Nuno Rebelo, nascem algumas versões de MY WAY, HEAVEN e AVEC LE TEMPS (Claude François, Talking Heads e Leo Ferré, respectivamente) que servem de pano de fundo às coreografias do autor e intérprete, Mark. O impulso criativo de Mark e Nuno fez com que dos ensaios das versões nascessem originais que serão apresentados este mês pela Transformadores através da distribuição do jornal Blitz e das lojas Fnac. Com esta combinação de grandes talentos poderia esperar-se uma música experimental e bizarra. Mas a simplicidade das canções, a voz de Mark Lewis e os arranjos rock de Nuno Rebelo, dão origem a uma banda simultaneamente mainstream e contemporânea, difícil de classificar mas muito fácil de apreciar.

O disco homónimo é editado no dia 26 de Abril e será possível ver Mark Lewis (o músico) e a sua banda, The Standards, no dia seguinte em lisboa na Culturgest (27 Abril). Antes desta data actuam em Faro no Centro de Artes Performativas do Algarve (23 de Abril).

Disco estará disponível no dia 26 de Abril e 3 de Maio com o Blitz nas bancas do país; disponível nas lojas Fnac a partir do dia 26 de Abril; disponível em todas as lojas de música a partir de 15 de Maio.


Angel of Ashes – A Tribute to Scott Walker

“Um tributo versátil, consistente e válido como um todo. Ora fiel ora desafiante, uma coerente homenagem a um grande músico.”

“Comecemos pelos feitos dos nossos. E que feitos! Os Plaza acentuam a subliminar cadência pop de WE CAME THROUGH e apresentam o perfeito single. Os Corsage socorrem-se de ousada paleta electrónica contagiante para reinventar RHYMES OF GOODBYE. Bela versão! As electrónicas são também ferramenta de serviço em JACKIE (original de Brel) pelo projecto BCN (de Paulo Abelho). (...) Os Raindogs injectam luminosidade folksy no clássico NO REGRETS. A solo, Matt Howden (dos Raindogs), português por afinidade, sugere a grandiosidade sinfonista de Walker no belíssimo AMSTERDAM (de Brel). Xana (na sua primeira gravação em inglês), com Flak e a dupla JP Simões/ Sérgio Costa investem cada qual por sua versão de ROSEMARY, os primeiros mais canónicos, os segundos reiventando magistralmente a canção para clima nocturno urbano sob suspiro lounge. Jorge Palma tmabém se mostra relativamente fiel ao modelo sóbrio de Walker numa segura versão acústica de TWO RAGGED SOLDIERS. (...)”

Nuno Galopim, in: DN MÚSICA, 8 de Abril de 2005



3 – SUGESTÕES

· Hoje à noite: Rádio Macau num concerto no Frágil.

· Uma olhadela ao post dedicado aos PASSATEMPOS.


4 – OUTRAS NOTÍCIAS

· Em breve na televisão, o video de DEAD COMBO “Cacto” realizado por Paulo Abreu e Dead Combo com o apoio da Transformadores.

· Em breve nas rádios o single EMOTIONAL BLACKMAIL de MARK LEWIS AND THE STANDARDS.

Para qualquer esclarecimento, contacte-nos.

segunda-feira, abril 11, 2005

Em breve na televisão: o video de Dead Combo

O video foi realizado por Paulo Abreu, com produção dos Daltonic Brothers e dos Dead Combo e com o apoio financeiro e na pré produção da TRANSFORMADORES.
Foi rodado em Lisboa e conta com a participação da consagrada actriz Joana Brandão e dos estreantes Moles, Piranha, Tiago Gomes, Carolas, Vasco Pamplona, entre outros. A música escolhida é "Cacto".
Sinopse:
Os Dead Combo são "body snatchers" e roubam o corpo de uma linda jovem morta (Joana Brandão). O padrinho da Máfia local (Tiago Gomes) encarrega dois profissionais (Moles e Piranha) de reaverem o corpo e da captura dos Dead Combo. Com a ajuda dos roadies (Vasco Pamplona e Carolas), os Dead Combo lá vão conseguindo esgueirar-se por entre as estreitas ruas e vielas de Lisboa. Será que se safam? O que levou a máfia a matar a jovem?
Em breve numa TV perto de si!!
O video-clip irá estar em competição no festival Black&White a decorrer nos próximos dias 13, 14, 15 e 16 de Abril, na Escola de Artes, no Porto, entre as 15:00 e as 24:00.
Pede-se a todos os Dead Combo Maniacs o favor de comparecerem no dia 13, pelas 21h45, na referida escola, para a projecção e para votarem no nosso querido video-clip de maneira a sermos os grandes vencedores desde concurso.
Anunciada para breve será a entrega do Prémio Dead Combo, referente ao video-clip, nas seguintes categorias:
Melhor Actor: João Pedro Gomes
Melhor Testa Franzida: Moles
Maiores Olhos: Piranha
Melhor Morta: Joana Brandão
Melhor Cara de Mau: Vasco Pamplona
Melhor Mão: CarolasMelhores Fugitivos: Dead Combo
Melhor Padrinho: Tiago Gomes
Melhores Figurantes: Os Figurantes
Melhor Realizador: Paulo Abreu
Informação por: Dead Combo

Passatempo ___ ganhe entradas nos concertos Transformadores

PASSATEMPO
1- FIM-DE-SEMANA TRANSFORMADORES
15 de Abril – Quinteto Tati + DJ MEE_K – Oficina do Cais, Montijo
16 de Abril – Dead Combo + Future Funk – Oficina do Cais, Montijo
Elabore uma pergunta ao JP SIMÕES (QUINTETO TATI).
As 2 perguntas mais originais receberão 1 entrada para duas pessoas para os dois dias (15 e 16). A selecção das perguntas mais originais ficará a cargo do próprio JP SIMÕES e terão direito a resposta.
2 - CONCERTO DUPLO EM ÉVORA
22 de Abril – Quinteto Tati e Dead Combo – Teatro Garcia de Resende, Évora
Escreva uma frase com QUINTETO TATI e DEAD COMBO. As 2 frases mais originais receberão 1 entrada para duas pessoas. A selecção das frases mais originais ficará a cargo do JP SIMÕES.
Boa sorte!



A capa do álbum para MARK LEWIS AND THE STANDARDS

Esta capa tem um aspecto curioso: é um desenho numa tela a óleo realizado por Vítor Rua e oferecido ao Mark no dia do primeiro ensaio da banda. Tem o nome de Allucinogenic Band/ Agit Pop e serviu de inspiração ao grafismo do álbum.